Ode à Vida

A cada minuto que passa

a vida vai ficando pra trás

como gotas que caem

de uma esquecida torneira

uma a uma elas atingem a superfície

e dali não passam.

Cada gota tem seu caminho.

Cada vida tem sua história.

Vida, vida, vida!

O que se faz dela? O que se vive?

Tomar a atitude e seguir em frente

encarar os problemas, admitir os erros

não ficar paralisado

frente a tudo que não presta

o que não presta

é o que não te leva além

o que te deixa no comum

no falso, no “sem sal”.

O tempo é pontual

e exigente demais

não vale a pena perdê-lo

escolher o que te levará além

o que subverterá.

A conversa que começa cedo

e não tem hora pra terminar

o livro emprestado

lido com atenção e vontade

o peixe pescado e frito

com limão, molho e alegria

a dose de cachaça

que desce quente e fatal

o beijo bom da boca da menina

que resolve vários problemas

o futebol com a galera

de 5 minutos ou 2 gols

A galera, o pessoal, a rapaziada.

Viva a rapaziada!

Aquelas pessoas que estão sempre ali

que te engrandecem

ajudam e te divertem.

Quando a noite chega

e você para pra pensar

é mais um dia que se foi

e não voltará jamais.

É o tempo que vai dando

vida à vida

ela pode ser plena ou vazia

“it’s up to you”

enquanto isso

mais uma gota cai da torneira.

O resto é silêncio

Rogério Arantes

Um pensamento sobre “Ode à Vida

  1. Luana disse:

    gostei MUITO!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: